Skip to content

Chefe tirano, quem aguenta?

29/03/2011

Parece que isso é uma coisa completamente fora de moda, que não existe mais. No entanto, tenho visto tantas pessoas contarem dos chefes tiranos com que têm que lidar, que nem consigo acreditar. Essa figura grotesca ainda tem espaço em diversas empresas e eu não sei como nem porque.

No geral esse tipo de sujeito tem uma insegurança intrínseca como líder, como profissional e até como pessoa. Usa o poder para diminuir os outros que é a maneira com que consegue se sentir superior. Obviamente, o que ele precisaria é de uma terapia de longa duração, mas você que tem que aturá-lo no dia-a-dia não pode nem pensar em sugerir algo assim. Então, terá que lidar com isso.

Primeira coisa, reforce sua auto-estima, tenha clareza de sua capacidade de trabalho, da sua boa educação, do seu papel dentro da empresa. Depois, lembre-se que uma pessoa assim tem problemas, ou seja, ele tem problemas, você não. Não fique se queixando pelos corredores, não dê mais ibope do que o cara merece. Tem alguns desses tiranos que adoram fazer o gênero e saber que é motivo de angústia e assunto dos subordinados.

Se as exigências forem muito além do razoável, trabalho em horas muito fora do normal, reuniões loucas no fim do dia, convocações para trabalhar sábados ou domingos, comece a pensar em soluções mais radicais. Você pode tentar conversar com ele, chamar a atenção para o fato de ele estar extrapolando os limites razoáveis. Explique que o seu rendimento – e de outras pessoas – será menor, que os resultados poderão ser falhos em razão da pressão contínua. Pode ser que funcione, se você sentir-se confortável nesse papel. Se achar que vai desmoronar, nem tente, não se mostre mais frágil porque ele vai adorar e quem sabe, piorar.

Você pode procurar a área de Recursos Humanos e fazer uma queixa formal. O resultado vai depender de o quanto o RH for flexível para lidar com esse tipo de situação. Em algumas empresas, os responsáveis pela área têm medo de fazer seu papel e enfrentar chefes tiranos exige uma certa coragem. Outra possibilidade é “passar por cima” e falar da situação com o chefe superior. Cuidado, porque o apoio entre pares e semelhantes, que sempre existe nas empresas, pode anular qualquer esforço que você fizer. Pode até piorar a situação.

Seja qual for o caminho que seguir, esteja preparado para consequências. Comece a pensar em pedir transferência de área ou até em buscar outro emprego. Afinal, deixar que um tirano acabe com sua tranquilidade e paz pode significar uma doenca no futuro. Lembre-se que não tem o que ou quem justifique você optar por ser infeliz. Sei de amigos que estão fazendo tratamento para depressão, coração, úlcera, em razão desse tipo de situação. Não seja um deles, cuide de você.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: