Outro pouco do meu Eu – parte II

Confetes e News

Lembra que falei que iria mostrar a segunda parte da entrevista para o grupo GAS? Pois aqui está ela. Falar para meus conterrâneos foi um verdadeiro prazer. Minha cidade ainda mora no meu coração, num lugarzinho especial. Santa Maria é uma cidade média do Rio Grande do Sul, no meio do estado, razão pela qual é conhecida também como “Coração do Rio Grande”.

Em 2020 quase atingiu os 300 mil habitantes. É uma cidade fundada no século XVIII, mas tem dentro de seus limites diversos sítios arqueológicos. É limitada por morros – colinas não muito altas, também conhecidas como serras -, o que lhe rendeu o nome de Santa Maria da Boca do Monte durante muitos anos. É a entrada do pampa gaúcho que se prolonga para Argentina e Uruguai.

É uma cidade movimentada, com muitos estudantes vindos de todo o Estado e até mesmo de outros lugares do Brasil. E, aqui estou eu novamente, falando para alguns dos atuais moradores, contando minha história desde que a deixei.

Acima, as duas casas em que minha família morava, avós, tios, pais, filhos. Sempre fomos muito unidos e aqueles de nós que ainda estão por aqui continuam honrando essa união.

Agora, a entrevista.

Obrigada, mais uma vez a quem me deu a oportunidade, Anne Forgiarini, e ao meu entrevistador, Leonardo Forgiarini Guedes.

Um pouco do meu Eu – entrevista para o GAS

Confetes e News

Sou nascida e criada em uma cidade do interior do Rio Grande do Sul, Santa Maria. Vivi lá até os 22 anos, quando terminei a faculdade de Engenharia e fui para São Paulo, em busca de oportunidades e desafios que me fizessem crescer como pessoa e profissional.

Mais de quarenta anos depois que saí da terrinha, recebi um convite para falar para um grupo da cidade – o grupo GAS – e me senti feliz e emocionada. Afinal, compartilhar minha história com alguns conterrâneos me pareceu uma maneira de contar do meu orgulho e da minha gratidão a essa comunidade que contribuiu tanto para me fazer quem sou.

O grupo GAS é uma associação de pessoas ligadas à administração pública da cidade, criado pela Secretaria de Educação da Prefeitura do Município. Eles compartilham informações, histórias e conhecimentos utilizando o WhatsApp, o que está perfeitamente de acordo com os tempos que vivemos e viveremos num futuro próximo.

A primeira parte da entrevista tratou de minhas escolhas e minha vida na cidade. Quem quiser saber um pouquinho sobre de onde vim e do que me fez ser quem sou, veja o vídeo, que está no link abaixo:

Na segunda parte – próximo capítulo – falarei um pouco mais dessa cidade maravilhosa em que desfrutei de anos felizes e proveitosos e na qual sempre tenho prazer de estar.

Obrigada, Anne Forgiarini, por me abrir essa possibilidade e obrigada, Leonardo Forgiarini Guedes, por ser meu anfitrião.